seta Universidade Estadual de Montes Claros - MG | Domingo, 18 de novembro de 2018 | relogio 18:03

Professor da Unimontes integra Rede Brasileira de Estudos da China

- Lançado documento sobre relações entre os dois países -

Aprofundar e sistematizar a discussão e a produção de conhecimento sobre a China e seus relacionamentos com o Brasil e outros foros internacionais. Este é o objetivo da Rede Brasileira de Estudos da China (RBChina), criada em 2017. A rede conta com a colaboração de cerca de 170 profissionais de diferentes áreas e instituições. Um dos participantes é o professor Marcos Fábio Martins Oliveira, do Departamento de Economia da Universidade Estadual de Montes Claros (Unimontes).

Na última terça-feira (23/10), foi realizado em Belo Horizonte o I Encontro da RBChina, patrocinado pela Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais (PUC-Minas). Na oportunidade, os integrantes da Rede Brasileira de Estudos da China assinaram uma declaração sobre a importância das relações entre os dois países. O documento leva em consideração a proximidade da posse de um novo governo no Brasil.

Os signatários da declaração ressaltam que, desde 2009, a China é o maior parceiro comercial do Brasil e que, em 2017, o superávit comercial brasileiro com o país asiático alcançou US$ 22 bilhões. A China é um importante investidor com mais de US$ 54 bilhões aplicados em diversos setores, com destaque para infraestrutura, tecnologia da informação e indústria automobilística.

“Setores fundamentais da economia dependem do mercado chinês, notadamente o agronegócio, como as cadeias da soja e do milho, a produção de proteína animal e de papel, assim como a mineração e o setor de petróleo. A China também é grande fornecedora de equipamentos e componentes importantes para a atividade industrial no Brasil”.

No documento, é ressaltado que: “numa conjuntura em que as instituições multilaterais estão sob questionamento e, que o protecionismo comercial tem criado dificuldades para o crescimento da economia mundial, é importante valorizar a parceria com países que reafirmam o multilateralismo e primam a Lei na resolução de controvérsias, como propugnam Brasil e China, notadamente no marco da Organização Mundial do Comércio”.

A RBChina é integrada por profissionais como acadêmicos, advogados, diplomatas, consultores, artistas, militares, empresários e professores de renomadas universidades brasileiras. Eles se comprometem a realizar estudos para contribuir com a relação entre os brasileiros e chineses. “Como grupo de estudiosos e profissionais atuantes nesse campo (do desenvolvimento), assumimos o compromisso de produzir conhecimentos úteis para a identificação de oportunidades e para o fortalecimento da relação entre o Brasil e a China”, garantem.

UnimontesCampus Universitário Professor Darcy Ribeiro - Vila Mauricéia - Montes Claros - MG

Acesso Restrito